top of page
Buscar
  • Foto do escritorJéssica Reis

Peça à Mãe que O Filho atende!

No próximo dia 27, comemora-se o Dia de Nossa Senhora das Graças. De acordo com publicação da Canção Nova, vista no link 1: "A devoção a Nossa Senhora das Graças teve início, em 1830, com as aparições da Virgem Maria à piedosa e humilde Santa Catarina Labouré, na época freira do convento das Filhas da Caridade. Ao todo, foram três aparições que aconteceram no convento das Filhas da Caridade de São Vicente de Paulo, em Paris, na França".


Fonte: https://bernadetealves.com/2022/11/27/nossa-senhora-das-gracas-dogma-de-fe-invocada-e-celebrada-em-todo-mundo/


A primeira aparição aconteceu na noite do dia 18 para o dia 19 de julho de 1830, onde Nossa Senhora revela a Santa Catarina grandes calamidades e perseguições que aconteceriam na França. A segunda aparição aconteceu no dia 27 de novembro de 1830. A Santíssima Virgem aparece vestida de seda branca, um véu branco desce até a barra de seu vestido. Seus pés estão apoiados sobre a metade de um globo e esmagam uma serpente. Suas mãos estão erguidas à altura do peito e seguram um globo de ouro com uma cruz em cima. Seus olhos estão voltados para o céu. Nossa Senhora apareceu-lhe mostrando nos dedos anéis incrustados de belíssimas pedras preciosas, “lançando raios para todos os lados, cada qual mais belo que o outro”.


Logo após, formou-se em torno da Virgem um quadro oval no alto, na qual estavam escritas em letras de ouro: “Ó Maria concebida sem pecado, rogai por nós que recorremos a vós”. Esta foi a prova do Céu de que Nossa Senhora é imaculada e concebida sem o pecado original. Ainda nessa aparição, Nossa Senhora pediu que fosse feita sua medalha milagrosa. Sobre o reverso, Catarina vê a letra “M” com uma cruz sobreposta e embaixo dois corações: o da esquerda cercado de espinhos e o da direita transpassado por uma espada. Doze estrelas distribuídas em forma oval cercam esse conjunto.


Em Dezembro de 1830, a Virgem Maria aparece pela terceira vez, apresentando a Santa Catarina os mesmos raios luminosos, dessa vez junto ao tabernáculo, e lhe confirma sua missão de cunhar a medalha. Cabe ressaltar que toda fé mariana nos leva Àquele que Ela concebeu. Ao pedir a intercessão de Maria, pedimos a Ela que diga a Jesus "o vinho" que falta em nossas vidas. Maria intercede, nós precisamos encher as talhas e Cristo faz o milagre. Peça à Mãe que O Filho atende! Nossa Senhora das Graças, rogai por nós!



Texto: Jéssica Reis

Pascom - Matriz do Bom Pastor


Referências para a elaboração desse boletim:

1 https://santo.cancaonova.com/santo/nossa-senhora-das-gracas/

24 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comentários


bottom of page